Desporto

101 estudantes recebem Prémios de Mérito Desportivo entregues pela UMinho e SASUM

101 estudantes recebem Prémios de Mérito Desportivo entregues pela UMinho e SASUM

A Universidade do Minho (UMinho) e os Serviços de Ação Social da Universidade do Minho (SASUM) premiaram, este sábado, 101 estudantes-atletas que conciliaram a excelência desportiva com o sucesso académico em 2018/2019 no Restaurante Panorâmico. Esta cerimónia é realizada desde 2009 e tem como objetivo evidenciar a importâncias das carreiras duais e contemplar todos aqueles elevam bem alto o nome da Academia Minhota no passado ano.

O evento contou com a presença do reitor da UMinho, Rui Vieira de Castro, do presidente da Associação Académica da Universidade do Minho (AAUM), Rui Oliveira, do administrador dos SASUM, António Paisana, da vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo e da diretora da Confederação do Deporto de Portugal, Filipa Godinho, entre outras entidades a nível universitário, político e desportivo.

António Paisana foi o primeiro a discursar. O administrador dos SASUM afirmou que “um dos principais fatores do sucesso desportivo e organizativo na Universidade reside na valorização das carreiras duais”. Para António Paisana, também a aposta da UMinho no “Programa TUTORUM” (programa de apoio aos atletas de alta competição) foi um elemento relevante para os feitos alcançados no desporto universitário.

Na última década, a UMinho e os SASUM entregaram este prémio a 769 estudantes, o que corresponde a valor superior a 200 mil euros. De acordo com o representante máximo dos SASUM, estas distinções “reconhecem o esforço e o mérito de pessoas que levaram o nome da Academia a patamares de grande relevância e muito difíceis de alcançar”.

“Os estudantes que praticam desporto têm uma melhor qualidade de vida, não apenas pela componente física, mas também pela vertente psicológica”, começou por dizer Rui Oliveira, defendendo que o desporto é uma ferramenta fundamental no desenvolvimento de uma educação integral. Para além das palavras direcionadas à excelência dos 101 estudantes-atletas (mais 39 em relação à edição anterior) da Academia Minhota, o presidente da AAUM não deixou de mencionar o ano de 2019 como “um ano feliz e histórico para o desporto da UMinho”.

Em conjunto com a UMinho, a AAUM organizou as Fases Finais dos Campeonatos Nacionais Universitários, em Guimarães, e o Campeonato Europeu Universitário de Futsal, em Braga, sendo-lhe ainda atribuída a organização do Campeonato Europeu Universitário de Voleibol, que irá decorrer em 2021 na cidade berço. O representante máximo dos estudantes minhotos relembrou ainda a condecoração da UMinho com a Medalha de Honra ao Mérito Desportivo por Tiago Brandão Rodrigues, Ministro da Educação.

Na Gala do 20º aniversário da European Universities Sports Association (EUSA), a UMinho foi distinguida como a Melhor Universidade da década em desporto universitário, o que levou à entrega do Prémio Prestígio pela Federação Académica do Desporto Universitário (FADU). Segundo Rui Oliveira, todas estas conquistas e acontecimentos foram os “sinais demonstrativos de que as entidades desportivas da UMinho estão a percorrer o caminho certo na melhoria das condições da prática desportiva universitária”, acreditando que a AAUM tem de ser capaz de formar cidadãos, estudantes e atletas com competências para responder às necessidades da sociedade”.

Já o reitor da UMinho considerou esta cerimónia é “um momento de celebração, reconhecimento e valorização da atividade destes estudantes, mas também uma reafirmação do projeto da Universidade para a área do desporto”. Rui Vieira de Castro realçou a “grande expressão que esse projeto tem no interior da comunidade académica”, visto como “transversal à instituição”. O reitor afirmou que a excelência desportiva “enche de orgulho a UMinho, mas também traz responsabilidades”, uma vez que “a história e a tradição perspetivam que o que venha a ser feito no futuro, seja ainda melhor”.

Esta entrega de Prémios de Mérito Desportivo foram, desta forma, um momento de homenagem aos estudantes-atletas que, a título individual ou coletivo, alcançaram lugares no pódio em Campeonatos Internacionais Universitários ou se sagraram Campeões Nacionais Universitários e, ao mesmo tempo, tenham obtido aproveitamento escolar superior 50% dos créditos no respetivo ano académico. Os prémios são indexados ao valor da propina anual

Os 101 estudantes-atletas receberam os certificados que comprovam a sucesso desportivo e académico e também a bolsa, surgindo de 42 cursos da UMinho. O futsal, com 24 atletas, foi a modalidade que viu mais alunos a receber o prémio.

A cerimónia incluiu ainda uma tertúlia com o tema “Das Competições Universitárias aos Jogos Olímpicos – Voz aos Protagonistas”, onde Rui Bragança (Taekwondo), Susana Feitor (Atletismo) e Vânia Neves (Natação) conversaram sobre os momentos mais marcantes do seu percurso académico e desportivo.